Você sabia que o combustível GNV é até 60% mais econômico que o etanol e a gasolina?

Os motoristas que usam GNV (Gás Natural Veicular) costumam economizar 60% nos custos mensais com combustível em São Paulo. No entanto, nos dias atuais, com o valor do dólar nas alturas, a alternativa mais viável para muitos motoristas é colocar o gás natural, principalmente para aqueles condutores que dirigem mais de 2 mil quilômetros por mês.

Publicidade

Segundo dados disponibilizados pela ANP (Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustível), os custos médios do gás natural comprimido na cidade de São Paulo é de 3,15 reais por metro cúbico. O condutor que coloca R$30 de GNV percorre cerca de 140 quilômetros. Agora, para aqueles que usam geralmente gasolina ou álcool se calculado na mesma distância costumam pagar aproximadamente R$82.

Rendimento do Gás Natural

Por ter o melhor desempenho por quilômetro, hoje o gás natural automotivo pode economizar em média mais de 60% aos motoristas, e pode reduzir os gastos com combustível em cerca de R$1 mil para profissionais de transporte de passageiros, por exemplo. Além disso, por ser mais econômico, há muitas vantagens em instalar um kit de GNV. Por isso, esse combustível é menos poluente se comparado a outros, e ainda por cima, os postos de gasolinas não podem adulterar.

Publicidade

Qualquer automóvel que seja movido a gasolina ou etanol pode ser facilmente convertido em GNV. Então, em São Paulo o custo médio será de R$4.500, para as pessoas que dirigem 3 mil quilômetros por mês, como motoristas de aplicativo e taxistas. Porém, o retorno será em menos de quatro meses, será preciso fazer a instalação em uma agencia que esteja homologada pelo Inmetro. No site oficial do Inmetro existe uma lista de estabelecimentos credenciados.

Vale a pena trocar o combustível gasolina por GNV?

Como os preços da gasolina em alguns estados a partir de R$7, diversos motoristas estão procurando o GNV. Mas, essa mudança valerá a pena? Por isso, entre os carros populares, a taxa de retorno do GNV chega a 40%, mas exige um investimento inicial na modificação do veículo e o custo pode variar de R$3,5 a R$5 mil. O preço do gás natural para veículos também varia de acordo com o preço do barril de petróleo e do dólar americano.

Para instalar o kit gás é preciso registra no Detran

Inicialmente, para que um veículo coloque o kit gás, é preciso cumprir legislações estaduais, o kit precisa da aprovação do Inmetro, então deve ser instalado em oficinas homologadas. Depois que o carro é modificado, ele precisa ser enviado para uma OIA (Organismo de Inspeção Acreditado), que também é verificada pela agência.

A certificação, Nota Fiscal do reteste e do cilindro devem conter um selo de qualidade do instalador o CSV (Certificado de Segurança Veicular), esses documentos devem ser apresentados no Detran estadual.

O motor do veículo perde parte da sua potência

Especialistas explicaram que após a instalação do Gás, o motor do carro perde potência devido a uma série de fatores, principalmente porque o design do motor tradicional não aproveita a combustão do GNV. Em outras palavras, eles não são otimizados para esse combustível.

VEJA TAMBÉM: Como o Microempreendedor Individual mudou o cenário da economia no país

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário