Especial meio ambiente: Você sabe como estabelecer a reutilização de água na sua empresa?

Um dos principais recursos naturais do mundo, a água quase sempre foi pautada com sinal de abundância no Brasil. A rotina de praticamente qualquer pessoa envolve muito sua utilização para atividades essências, como a alimentação e a higiene, segundo o instituto TrataBrasil, 84% dos brasileiros são abastecidos com água potável. Porém, as recentes secas, poluições e as crises de abastecimento acenderam um alerta para a sociedade, o meio ambiente e o mundo dos negócios.

Publicidade

Conforme a Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), 24,3% do uso da água de bacias hidrográficas estão no abastecimento urbano, isso não quer dizer que o consumo vem só das casas, mas também de indústrias, hospitais, shopping centers, universidades, escolas e supermercados. Em números fica atrás somente do setor agrícola, que utiliza 49,8% dos recursos hídricos no Brasil para irrigação.

Avaliando o atual cenário de crises hídricas, empresas estão discutindo mais as questões de gestão da água, sustentabilidade e produção circular, implementado recursos e práticas que contribuem para a diminuição de riscos ambientais, ainda sim, otimizando os serviços e suprindo as demandas.

Publicidade

Reutilizar a água pode ser um negócio atrativo para a sua empresa, pois além de aumentar a sustentabilidade e a segurança operacional. Reduz drasticamente os custos de produção. Portanto, a seguir saiba como implementar as práticas de reutilização e como isso pode ser um benefício para sua empresa.

Reutilização da água

É conhecido por efluente a água tratada que pode ser reaproveitada em outras ocasiões. Um exemplo é a água do banho, que ao ir para o esgoto (efluente), pode ser tratado e reutilizado para a limpeza de casa, pois não precisa ter uma qualidade alta para o consumo.

A água de reuso utilizada em processos industriais como caldeiras e torres de resfriamento necessitam de um nível de qualidade diferente. Então dependendo do modo que a água será reaproveitada, o tipo de tratamento a ser desenvolvido pode envolver processos físico-químicos ou biológicos como a ação das membranas de ultafiltração.

Ao todo, a água de reuso tem qualidade inferior à água potável, de maneira que o ideal é utilizar esse recurso para fins não potáveis, como irrigação, combate de incêndio, limpeza de locais, paisagismo, refrigeração de equipamentos e geração de energia. A empresa que irá adorar essas práticas precisa desenvolver um estudo aprofundado, desde análises da água até o processo de tratamento para determinar um sistema que aproveite a água com qualidade e mantenha o nível de serviço.

Como reutilizar água na sua empresa?

São três os tipos de reuso: o primeiro é o reuso direto, são utilizados recursos hídricos oriundos de efluentes ou tratamento de esgotos para o uso na indústria. O segundo é o reuso indireto, nele a água usada é tratada e captada novamente para reutilização. E por último, a reciclagem interna, aqui o tratamento da água é feito dentro da própria indústria e aproveitado nas produções.

Contudo, para implementar as práticas de reuso, a empresa precisa conhecer seu processo de produção para saber o quanto e qual a qualidade da água será necessário, ao ter noção disso, pode desenvolver uma solução ideal, por exemplo, o aproveitamento de água da chuva. O funcionamento do sistema deve ser acompanhado por uma equipe especializada que seguirá as normas de segurança exigidas por lei, e monitorar o sistema de reuso colabora para identificar qualquer falha e seguir com a qualidade do serviço.

Os benefícios da adoção de práticas de reuso da água para as empresas

Os métodos de reuso da água colaboram fortemente com o meio ambiente, seus processos reduzem consideravelmente o desperdício e a contaminação da água, já que menos esgoto é lançado aos rios a poluição também diminui. Com a água sendo tratada na própria empresa aproveita-se os recursos ao máximo e evita o desperdício.

Portanto, empresas que reutilizam a água conseguem aumentar a quantidade de água potável disponível, então em tempos de alterações climáticas, períodos de secas e crises hídricas elas não ficam inseguras, pois conseguem suprir a demanda mesmo nesse cenário.

Em suma, a indústria reaproveitar recursos da sua própria fluente é uma opção mais atrativa financeiramente, pois não precisa recorrer a alto gastos com a água de reuso de concessionária de saneamento tradicionais ou particulares, assim o custo com a implantação e funcionamento dos serviços é menor.

Saiba também: Especial meio ambiente: Prática do tratamento de água tornou-se tendência de negócio em 2021

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário