Facebook agora se chamará Meta. Veja qual foi o motivo para a alteração de nome

A plataforma do Facebook contou nesta semana durante um evento Facebook Connect 2021, que mudará de nome. Então, a partir dessa semana as redes sociais que são administradas pelo Mark Zuckerberg, como o WhatsApp e o Instagram, começarão a se chamar Meta. No entanto, é preciso ressaltar que o Facebok.com continuará a existir com o mesmo nome, e o nome do grupo que gere as três plataformas não será alterado, e assim sucessivamente.

Publicidade

Portanto, essa nova marca será uma mudança do espaço virtual e ao metaverso do mundo virtual do avatar. O fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, disse que a palavra Meta é do grego “metá” e a tradução pode ser “além” ou “próximo”. Atualmente, a rede está ligada somente a um único produto. No entanto, com o passar do tempo, a empresa espera ser considerada como uma empresa do Metaverso. Veja a seguir nesse artigo porque a mudança foi precisa.

O objetivo do novo Meta?

Inicialmente, a empresa tem foco em conectar pessoas. Atualmente, é considerada o maior grupo e rede social. O objetivo é sempre construir aplicativos que são importantes para o público em geral. Mas, a empresa não faz somente isso. Ou seja, no DNA está a construção de tecnologia para que as pessoas fiquem mais próximas. Por isso, o metaverso chegou para unir as fronteiras e conectar ainda mais as pessoas.

Publicidade

Por que foi preciso tomar essa decisão?

Recentemente, essa empresa Google passou pela mesma mudança em 2015. Naquela época, a gigante fundou uma nova empresa, a Alphabet, e agora possui o Google e outras divisões. Porém, o que diferencia do Google, é que a rede Facebook não está fundando outra empresa, apenas alterando o nome do dono atual. Afinal, a alteração de nome ocorreu durante uma das crises de relações públicas mais notórias da empresa. Com isso, na semana passada, dezenas de meios de comunicação estudaram cuidadosamente dezenas de documentos e relatórios internos da empresa que foram vazados por um antigo funcionário da marca.

Após os últimos acontecimentos da empresa, surgiram um grande número de reclamações, pois era óbvio que os lucros foram colocados acima da disseminação de discursos de ódio, notícias falsas e sentimento negativo entre os jovens, e eles sucumbiram para não perderem espaço lucrativo no mercado.

Saiba também: Empresário: Você sabe qual é a importância de fazer o registro da sua marca?

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário