Sociedade Empresarial Limitada (LTDA): Saiba qual a melhor forma de abrir uma

Abrir um negócio próprio é sem sombra de dúvidas algo muito desafiador. E por isso você precisa colocar em prática algumas dicas para abrir uma empresa.

E nesse post vamos falar sobre o modelo de Sociedade Empresarial Limitada (LTDA). Essa é uma modalidade onde as normas são definidas com base no valor investido por cada sócio.

Além disso, nessa alternativa os bens pessoais de cada sócio são protegidos. Ou seja, em caso de falecimento ou débitos, o patrimônio pessoal continua protegido.

Continue lendo esse post até o final e veja dicas cruciais para abrir empresa desse tipo.

Confira algumas dicas para abrir uma empresa

Se você quer abrir o seu empreendimento com mais segurança e tranquilidade, precisa conferir as dicas abaixo!

Tenha uma boa reserva de dinheiro para arcar com os custos

Em teoria você não precisa de um valor mínimo de capital social para abrir a sua Sociedade Empresarial Limitada (LTDA). No entanto, é necessário ter em mente que podem haver taxas e custos envolvendo a elaboração de contratos e o registro dos mesmos.

Sociedade Empresarial Limitada (LTDA): Saiba qual a melhor forma de abrir uma

E eles podem variar conforme o município ou Estado onde você vai abrir o seu negócio. Por isso, é sempre recomendado ter uma boa reserva de dinheiro para arcar com todas essas despesas.

Verifique se existe restrições de zoneamento

Sendo assim, uma das dicas para abrir uma empresa é, antes de comprar ou alugar o ponto comercial, ir até a Prefeitura e verificar se o zoneamento da cidade permite que você tenha o tipo de negócio que deseja.

Isso porque, em muitos municípios existem várias restrições. É muito comum por exemplo, que em áreas residenciais não seja possível abrir casas de shows e até mesmo bares.

Inclusive, vale à pena verificar restrições de modo geral em relação ao seu tipo de negócio antes de fazer o registro do seu empreendimento na Junta Comercial.

Documentação

Antes de ir fazer o seu contrato e todos os registros necessários, é importante separar a documentação necessária para o processo. Entre os itens que você vai precisar estão:

  • Contrato Social (assinado por todos os sócios);
  • CNPJ;
  • RG e CPF de cada um dos sócios;
  • Requerimento Padrão;
  • Capa da Junta Comercial;
  • Ficha de Cadastro Nacional Modelo 1 e 2 (ambos os modelos podem ser encontrados no site do Ministério da Economia, Indústria, Comércio Exterior e Serviços, através desse link).

Lembrando também que para abrir o seu negócio nessa modalidade, você vai precisar das seguintes licenças e inscrições:

  • Licença Sanitária;
  • FGTS;
  • Vistoria de Normas de Segurança (AVCB);
  • Previdência Social;
  • Licença Ambiental;
  • Inscrição na Receita Estadual;
  • Alvará de Funcionamento.

E dependendo do seu tipo de empreendimento, pode ser necessário solicitar licenças específicas em outros órgãos. O ideal é sempre consultar a Prefeitura para obter essas informações.

Por exemplo, no caso de empresas que atuam com produtos químicos, artefatos explosivos (como fogos de artifício) e itens bélicos, é necessário solicitar uma série de licenças do das Forças Armadas.

Tenha um contador

Muita gente acha que para dar início em empreendimento, não é necessário um contador logo de cara. Contudo, uma das principais dicas para abrir uma empresa é justamente contar com o auxílio desse tipo de profissional.

Tenha em mente que todo o processo de abertura de uma Sociedade Empresarial Limitada (LTDA) é burocrático. Além disso, existe toda a questão de cálculo e pagamento de tributos e encargos.

E qualquer erro nesses processos pode gerar dores de cabeça logo na abertura do seu empreendimento. Por isso, o ideal é contar com a ajuda de um contador.

Conclusão

Além dessas dicas para abrir uma empresa, é importante sempre procurar por orientação profissional. Assim, você poderá executar cada passo com mais tranquilidade e evitando dores de cabeça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *