Segmento delivery ganha força após a pandemia do coronavírus e o isolamento social

Segmento delivery ganha força após a pandemia do coronavírus e o isolamento social
Segmento delivery ganha força após a pandemia do coronavírus e o isolamento social

Com a crise do coronavírus, um dos serviço que se tornou indispensável foi o delivery, empresas e comércios de todo o Brasil aumentaram a demanda de entregas e muitos que não trabalhavam com esse tipo de serviço acabaram se adaptando para continuar no mercado e assim garantir a sobrevivência do seu negócio.

Consequentemente muitos consumidores estão optando por esse tipo de serviço para evitar ao máximo sair de casa e conseguir assim ter os seus cuidados redobrados por conta da pandemia do novo coronavírus.

Entretanto as empresas que não trabalhavam com o sistema delivery, é aconselhável que todo empreendedor analise seu mercado e aproveite este momento para se reinventar, além de procurar entender a necessidade do seu cliente, mantendo-o sempre próximo a sua marca. Estude seu produto, o mercado de trabalho, os canais que tem interesse em investir para a divulgação venda e entrega do seu negócio, analise seus produtos, estoques e como está funcionando o trabalho de fornecedores.

Segundo Augusto Lins, presidente da fintech brasileira Stone, para trazer o serviço delivery para o seu negócio, é importante ter um planejamento e considerar todos os impactos para que a empresa tenha bons resultados.

Segmento delivery ganha força após a pandemia do coronavírus e o isolamento social
Segmento delivery ganha força após a pandemia do coronavírus e o isolamento social

Posteriormente, empresas estão trabalhando com delivery próprio, muitas utilizando plataformas, e algumas ainda investindo em e-commerce completo, sendo assim, dependendo da forma de trabalhar e a solução que escolher terá um impacto e resultados diferentes para cada negócio. Com isso, vários aspectos importantes em que o empreendedor deve se preocupar quando ele decide ampliar ou iniciar esse atendimento ao consumidor a distância, por isso elaboramos as dicas essenciais para atuação no segmento além de cuidados necessários:

Embalagem

Acima de tudo é necessário saber que a embalagem é muito importante para garantir a conexão e comunicação do consumidor, produto e marca, ela ajuda a impulsionar a venda  e a principal função é proteger corretamente o produto enviado, além de garantir a higiene que é a atual preocupação do consumidor no cenário atual.

Horário de funcionamento

É essencial deixar claro o horário de funcionamento e o tempo de entrega, além da qualidade do produto, cumprir prazos e horários é um dos elementos mais importantes do seu negócio, é um dos fatores que os consumidores mais levam em conta.

Atendimento

Definir os canais de atendimento com uma boa comunicação com o seu consumidor, sempre deixar bem esclarecidas as informações do seu produto. Assim como o pré, o pós-venda também é indispensável para o bom relacionamento empresa/cliente.

Qualidade

Assim como seu produto presencial, a entrega delivery deve ter o mesmo padrão, garanta sempre a qualidade dos seus produtos, principalmente se ele for alimentício. Eles sempre serão avaliados para uma possível próxima compra.

Forma de pagamento

O meio de entrega e forma de pagamento devem ser considerados, o valor do delivery pode ser diferenciado do valor cobrado em estabelecimento físicos, pois geralmente tem o valor adicional da taxa de entrega. É ideal facilitar a forma de pagamento para seus clientes, usar maquininhas de cartões é fundamental, elas permitem a monitoração das vendas, do controle dos pagamentos, das taxas e da gestão financeira para cada venda ocorrida.

Divulgação nas redes

Para conseguir uma boa visibilidade e consequentemente aumentar seu índice de vendas, é de extrema importância que seu negócio esteja sendo divulgado em site e redes sociais. Investir em marketing online é um dos diferenciais que sua empresa deve obter. Além de publicar as entregas é importante ter todos os dias a divulgação, e deve ser feita em posts diários e com conteúdos relevantes relacionados a sua área e ao interesse de seus clientes.

A crise e a atualização da forma de trabalho

A pandemia do coronavírus impusionou o trabalho delivery, algumas empresas tiveram que iniciar e outras o fortaleceram. O recomendado é que os comércios deem prioridade a entrega em domicílio, evitando assim aglomerações e menor contato entre vendedor, entregadores e consumidor, lembrando que alguns aplicativos dão a opção da entrega ser feita sem contato, onde o entregador deixa o pedido na porta ou portaria da residência e se afasta por dois metros.

Com relação a entrega de alimentos, é importante enfatizar que não há evidências que comprovem perigo em se contaminar ao vírus pelo consumo de alimentos pedidos em delivery. O importante é que após a chegada de algum produto em sua residência, siga as recomendações de higiene, ao entrar em casa lave bem as mãos ou passe álcool em gel antes de consumir o alimento.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*