Juliette Freire ganhadora do BBB21 é a mais nova embaixadora da Havaianas

Recentemente, Juliette Freire de Campina Grande e vencedora do BBB21 é a mais nova cara do marketing da Havaianas. A paraibana, maquiadora, advogada, cantora, influencer possui atualmente em sua conta no Instagram 31 milhões de fãs. Com isso, a partir desse mês fará parte da marca de rasteiras e sandálias mais querida do Brasil. Mas, deixou bem claro que os termos do contrato são confidenciais, e ela ainda terá participação nas vendas.

Publicidade

A novidade tem um duplo significado simbólico. A empresa aposta que os modelos das Alpargatas criaram um conceito para o marketing impactante. No entanto, a parceria irá funcionar como uma associação entre ambos. Todavia, é importante ressaltar que nenhuma outra celebridade conseguiu criar um acordo onde existem divisão de receitas, e além disso o acordo da B3 passou para R$ 25 bilhões.

Como surgiu a ideia da parceria?

Primeiramente, como várias outras marcas, a Havaianas repensou seu plano digital durante a pandemia. Além das estratégias de marketing nas lojas físicas está sendo essencial, a marca manteve o crescimento de 3% com o total de R$ 3,4 bilhões. Por isso, para a empresa o conceito de marketing é fundamental para o e-commerce.

Publicidade

Anteriormente, a Havaianas começou a investir em chinelos e rasteirinhas. Contudo, após o sucesso da série St. Tropez, esse investimento começou a receber atenção. A executiva da instituição explicou que isso fortalecerá o conceito de lifestyle e além disso, as oportunidades vão ampliar. Em 2020 a St. Tropez chegou ao recorde máximo e fechou o ano com R$1 milhão de vendas.

Agora, o principal objetivo da marca é ganhar um posicionamento relevante no mercado e deixar a nossa cultura conhecida pelo mundo todo. O CEO da Havaianas comentou que outras empresas mesmo que tentem ”copiar” nenhuma empresa tem o ”DNA” e a força de mercado como eles possuem. Por isso, a ideia de contratar a Juliette foi para que quando os produtos ganharem uma certa visibilidade, a empresa terá um foco de marketing ainda maior e, além disso trará outras oportunidade para a empresa de começar com a linha de roupas e quem sabe até programa de televisão com a exposição da marca.

Romano lembrou que, desde os anos 90, a marca vem se promovendo com as celebridades, e o endosso dos produtos é muito importante. E conta ainda que por meio do ator Luiz Fernando Guimarães, que ”invadiu” a casa de Malu Mader com uma câmera apenas para ver o que ele estava usando nos pés. Após isso, a empresa enxergou esse conceito e atualizaram suas ideias de campanhas. Além disso, ele ainda afirma que As empresas que conseguem durar e se manter fortes são aquelas que sabem se adaptar aos consumidores.

Sobre a Havaianas

As genuínas sandálias Havaianas são inspiradas nas típicas sandálias japonesas sola fina de palha e tecidos em tiras. No entanto, no ano de1962 em São Paulo, a Alpargatas começou a utilizar a borracha como matéria prima para transformar as sandálias japonesas no Brasil. Contudo, a fabricação é feita em formato de grão de arroz, e além disso tudo, as palmilhas também são inspiradas.

Mas, uma novidade. As Havaianas tiveram sucesso, muitas pessoas começaram a imitá-las. Com isso, os anúncios de Havaianas passaram a alertar o consumidor para não aceitar sandálias falsas, apenas genuínas. São tantas as denúncias de falsificação que a palavra acabou aparecendo no dicionário como sinônimo de falsificação e inferior.

Inicialmente, em 1990, as consumidoras optaram por sua própria moda e tentaram “desenvolver” uma sandália colorida movendo a parte branca das Havaianas para baixo e retendo as partes coloridas. Então, a partir desse movimento, surgiram os estilos de chinelo monocromático Havaianas: sandálias Havaianas Top pretas, azuis royal, lavanda e rosa. Originalmente disponível em quatro cores, agora a série Top tem mais de 14 cores diferentes para escolher.

As sandálias Havaianas são um símbolo do brasileiro enérgico em qualquer lugar do mundo, viraram assunto nos principais meios de comunicação do mundo e conseguiram virar algumas das vitrines mais procuradas do planeta. Hoje em dia, a marca possui mais de 150 mil postos de vendas no Brasil, exportada para 80 países e ainda oferta mais que as clássicas sandálias.

VEJA TAMBÉM: Anitta aceita convite da Nubank para participar do conselho de administração

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário