Governo de São Paulo disponibiliza linha de crédito do Banco do Povo para microempresas. Saiba mais!

O governador João Doria, revelou nesta semana que disponibilizou medidas de socorro para os comércios que foram mais afetados na pandemia causada pela Covid-19. Contudo, esse pacote de estímulos do governo estadual esta fornecendo uma linha de crédito de R$ 100 milhões para setores que sofreram prejuízos econômicos no período de lockdown para conter a disseminação do coronavírus.

Publicidade

Portanto, pequenas e micro empresas podem contar com o direito de empréstimos financiados que o governo disponibilizou. Além disso, terá redução do imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para leites e carnes. Por isso, a quipe Boas Ideias explicará neste artigo sobre essas tarifas, que tem o objetivo de diminuir o impacto causado. Acompanhe!

Quem tem direito a impostos mais baixos?

Primeiramente, é preciso saber que a partir do mês de abril, o ICMS para empresas de leite pasteurizado no Estado de São Paulo será zero. A ideia principal é que toda a comercialização do leite, até que chegue no consumo final, seja favorecida com a isenção tributária, que posteriormente era de 4,14%.

Publicidade

Entretanto, para as empresas inseridas no Simples Nacional (a maioria dos açougues pequenos), o ICMS das carnes terá a redução para 7%. Porém, vale ressaltar que a relação de revenda de carnes passou de 7% para 13,3% no mês de janeiro, ou seja, a diminuição do ICMS das carnes retornou à alíquota anterior. Semelhante ao leite, os novos preços da carne entrarão em vigor a partir do início de abril.

Quem fornecerá uma linha de crédito de 100 milhões?

Todavia, duas empresas bancárias como ‘Desenvolve SP’ e ‘Banco do Povo’ de São Paulo vão responder a liberação de uma linha de crédito de R$ 100 milhões para rodar capital de giro. Metade desses recursos (50 milhões de reais) será obtida por meio da Desenvolve SP e a outra pelo Banco do Povo.

Quais são as taxas de juros e linhas de crédito?

As duas empresas terão taxas e juros divergentes. Por isso, confira abaixo as taxas do Banco do Povo e o Desenvolve SP.

  • Desenvolve SP:

1% ao mês + Selic (atualmente é de 2,75%). O prazo de pagamento é de 60 meses e 12 meses com o período de carência. Não há necessidade de apresentar o CND (Certificado de Negativa de Débitos). Como garantia para adquirir o empréstimo, você pode usar a fatura de 2019 (antes da pandemia).

Para dar garantias, a Desenvolve SP oferece a FDA (Fundo de Aval), que é um fundo de garantia fundado pelo governo estadual no início da pandemia. Clientes com empréstimos vencidos na empresa, terá a possibilidade de adiar o pagamento das parcelas em até três meses.

  • Banco do Povo:

taxa de juros máxima mensal de 0,35%. O prazo máximo de pagamento é de 36 meses e a carência é de 6 meses. Para dar garantias, o Banco do Povo oferece um fundo de garantia (FDA). Lembrando que não importa quem fez o empréstimo, você não precisa ter a assinatura cadastrada no cartório, devido ao plano SP todas essas categorias terão direitos.

Setores que terão direito ao crédito?

Como dito no início, só terá prioridades empresas que foram muito afetadas pela crise atual. Porém, os empréstimos disponibilizados pelo governo serão de empresas comerciais que possuem o faturamento mensal de R$ 30 mil. Por isso, as empresas que possuem esses segmentos que vamos listar abaixo, tem o direito do crédito.

  • Restaurantes;
  • Salões de beleza;
  • Academias;
  • Bares;
  • Cultura;
  • Economia criativa (artes, startups, mídia, entretenimento, entre outras que se encaixam nessa categoria);
  • Setor de turismo.

Mas é importante ficar atento, pois, os pedidos de empréstimos para microempresas deverão ser feitos pelo Desenvolve SP, e se aplica a empresas que possuem o faturamento anual bruto de R$ 360 mil. Então, para as demais como micro e pequenas a solicitação é por meio do Banco do Povo, com empréstimo no valor de até R$ 10 mil.

Como solicitar um empréstimo do governo de SP?

O limite de crédito pela Desenvolve SP só pode ser solicitado pelo site do banco. A linha de crédito estará disponível a partir de 31 de março.

Já o limite de crédito solicitado pelo Banco do Povo deve ser feito pelo site oficial do banco ou pelo atendimento presencial, que é no endereço ‘’ Rua Boa Vista, 170 – São Paulo / Centro.” O horário de atendimento é das 9h às 16h de segunda à sexta-feira.

Em suma, o objetivo é reduzir o máximo possível o impacto na economia que a pandemia está causando. Por isso, se você empresário que se encaixa nos requisitos estiver precisando desse crédito aproveite! Continue acompanhando o nosso site para mais informações.

VOCÊ TAMBÉM VAI SE INTERESSAR: Os principais pilares que você precisa saber sobre direito empresarial. Saiba mais!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário